Escolha uma Página

8 Ideias para o Marketing de Conteúdo Colaborativo

Algumas companhias contratam uma só pessoa responsável para gerenciar seu marketing de conteúdo.

Existem algumas vantagens nisso, como manter controle e domínio total sobre o assunto vindo de uma só visão e voz. Mas se só uma pessoa estiver trabalhando no conteúdo, se perdem os benefícios da colaboração.

Marketing de Conteúdo Colaborativo é exatamente o que parece ser; Várias pessoas trabalhando juntas numa parte de conteúdo, geralmente para uma marca. Isso pode envolver pessoas de dentro de uma organização, influenciadores de fora, ou até mesmo da concorrência em alguns casos.

Mas por quê isso é tão eficiente? E quais são as melhores formas de criar esse vínculo?

Por quê a Colaboração é Poderosa?

Esses são os três principais motivos do por quê de eu amar colaboração em marketing de conteúdo:

Recursos

Colaboração é a melhor maneira de compartilhar recursos e complementar a área de especialidade das respectivas pessoas envolvidas. Por exemplo, se você for bom em pesquisas e o seu colaborador tem uma habilidade especial em produzir imagens, vocês podem trabalhar juntos e combinar suas áreas específicas para criar uma infográfica excepcional.

Perspectivas

Com duas ou mais vozes trabalhando juntas em uma só peça, você terá como incluir mais perspectivas – e como consequência, uma melhor – e mais ampla visão sobre determinado assunto. Mesmo se vocês estiverem de acordo sobre um problema, vocês podem gerar diferentes pontos e conclusões em cima disso.

Audiência

E por último, mas não menos importante, se você estiver trabalhando com dois ou mais influenciadores na indústria, você vai instantâneamente multiplicar seu potencial de audiência e leitores. Por exemplo, se você fizer parceria com um influenciador que tem 10 mil seguidores nas mídias sociais, quando sua peça estiver complete, você terá 10 mil impressões a mais, sobre o seu trabalho.

Isso faz do conteúdo colaborativo uma ferramenta poderosa para atrair e compartilhar e conectar.

Então, que tipo de conteúdo pode ser criado dessa forma?

1) Estudos Mútuos

Uma pesquisa original é sempre um protótipo com conteúdo sólido, desde que os detalhes sejam ricos. Um dos lados ruins, é claro, é que pesquisas originais levam muito tempo e/ou dinheiro para serem produzidas. Você vai precisar das ferramentas certas para o trabalho, pelo menos um técnico em análise de dados, e tempo para reunir e destrinchar as informações. De qualquer forma, se você tem múltiplas organizações trabalhando no mesmo projeto, você pode dividir os custos associados com a pesquisa – ou, se você é ambicioso dobre a extensão do estudo. Quando terminado, você poderá compartilhá-lo com glória!

2) Entrevistas e Comissão de Jurados

Se você está interessado em escolher o cérebro de um influenciador industrial ou talvez um grupo de influenciadores industriais, considere dar entevistas ou participar de uma comissão de jurados com perguntas e respostas. Crie suas perguntas antes, e depois grave a entrevista por audio ou video. Quando acabar, você pode editar, escrever a transcrição do arquivo e publicar. Há boas chances de que seu entrevistador irá compartilhar com os fãs dele. Então escolha alguem com uma influência social significante.

3) Use Podcasts na sua estratégia
de Marketing de Conteúdo

Podcasts são incrivelmente populares agora, e a popularidade deles continua subindo; 24 porcento dos adultos tem ouvido podcasts no mês passado, 21 porcento a mais do que no ano passado. Se você está interessado num formato mais descontráido de produzir conteúdo regularmente com outro contribuidor, um podcast é o formato ideal; Você pode ter conversas normais com o apresentador sobre tópicos relacionados à sua indústria, e vocês dois juntos podem promover e sindicá-la.

4) Divida sua Peça de Conteúdo em Duas Partes

Se você está interessado nos benefícios de colaborar, mas não quer que suas vozes colidam uma com a outra, considere escrever: “parte um” em uma série de duas partes, e passar a tocha para o seu colaborador na “parte dois”. É um bom motivo para interligar os seus blogs, e você irá facilmente ser capaz de compartilhar o trânsito desta forma. Você também não vai ter que se preocupar em pisar no dedo do pé do outro na criação do processo.

5) Parcerias e Guest Posts

Se você é especialista em uma forma de conteúdo, procure uma parceria com alguém especializado em um tipo complementar e produza um conteúdo multimídia em conjunto. Por exemplo, você pode fazer parceria com um design gráfico e fornecer a parte escrita do conteúdo; Como você sabe, imagens legais podem ajudar um conteúdo a se tornar viral.

6) Frases Motivacionais e Contribuições

Você também pode reunir frases e contribuições de uma série de influenciadores, em vez de trabalhar com eles um por vez. A melhor maneira de fazer isso é fazer uma pergunta aberta, como “qual a sua melhor recomendação para _____?”. Então, você só terá que copiar / colar, adicionar credenciais e informar seus participantes quando a postagem estiver ao vivo.

7) Perspectivas de Funcionários

Se você estiver interessado em mostrar a força e a natureza comunal da sua marca, você poderia convidar seus funcionários a compartilhar suas perspectivas individuais em uma única publicação. Por exemplo, você poderia pedir aos membros da sua equipe para compartilhar “um dia na vida”, uma visão rápida do que eles fazem para a organização como um todo. Use esse tipo de conteúdo com moderação, pois ele pode não ter tanto valor assim para o usuário final como as entrevistas e as pesquisas originais.

8) Estudos de Caso

Finalmente, considere parcerias com um dos seus clientes para criar um estudo de caso aprofundado. Você pode promover sua marca em seu trabalho e simultaneamente mostrar o que sua marca pode fazer.

Estes são apenas oito exemplos que se beneficiam fortemente da colaboração, mas o céu é o limite aqui. Qualquer número de conteúdo trabalhado por várias pessoas tem potencial para ganhar mais exposição.

Claro, existem algumas desvantagens para a colaboração de conteúdo – incluindo os efeitos esquizofrênicos de ter múltiplas vozes em uma peça -, mas as chances são de que o conteúdo colaborativo apenas constitua uma fração de seu corpo total de trabalho.

Vale a pena tentar! Você pode ficar impressionado com seus resultados.

— Traduzido da Forbes.